22/11/13
Para o próximo ano
Saneago anuncia nova data para realização de concurso
Anteriormente, os testes foram realizados em um único dia, em junho deste ano, quando vários problemas foram registrados. Desta vez, provas foram marcadas para os dias 19 e 26 de janeiro

Marcelo Gouveia

As novas provas do concurso público da Saneago foram marcadas para os dias 19 e 26 de janeiro do próximo ano. Anteriormente, a avaliação foi realizada em 30 de junho de 2013, quando uma irregularidade no cartão-resposta afetou mais de 66 mil candidatos. A empresa informou que não será aberto um novo período de inscrições e somente concorrentes já inscritos antes poderão participar do concurso.

Desta vez, os candidatos para os cargos de níveis médio e superior farão a prova no dia 19 e os concorrentes ao nível fundamental farão as provas no dia 26. Ao todo, 97,5 mil pessoas se inscreveram para disputar as 413 vagas disponibilizadas pela Saneago.

O candidato que não desejar realizar as provas deverá fazer a solicitação formal junto ao IBEG para a devolução do dinheiro. O superintendente de Recursos Humanos da Saneago e presidente da comissão de trabalhos para a realização do concurso, José das Dores Freitas, explica que serão adotados critérios de praxe para assegurar o bom andamento de um concurso desse porte. “Erro é algo absolutamente inesperado. Vamos trabalhar com extremo cuidado, como não é diferente do que fizemos antes. Vamos buscar ainda mais contribuições para evitar qualquer circunstância fora do planejado. Adotaremos ainda mais rigor”, afirma.

Freitas informa que as provas serão realizadas em parceria com as polícias Militar e Civil, além do apoio do Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO) e do Tribunal de Contas do Estado (TCE-GO), órgão que paralisou o concurso, e, que dessa vez, nomeou uma comissão interna para acompanhar o processo de realização do processo seletivo.

 Os candidatos devem seguir as orientações já repassadas no edital publicado para as provas do concurso realizadas no início de junho e nas sete retificações publicadas pela Saneago. Não será publicado um novo edital e o conteúdo programático não será alterado.

O Instituto Brasileiro de Educação e Gestão (Ibeg) continua responsável pela aplicação das provas. O representante jurídico da instituição, Sérgio Wanderley, afirma que o que houve foi um problema de ordem técnica na impressão das provas. “Não houve nenhum problema de segurança, mas ampliamos o controle de segurança para evitar a repetição desse tipo de erro. A instituição tem uma trajetória na realização de concursos de mais de 15 anos e não foi o primeiro de grande porte feito pelo instituto, mas foi a primeira intercorrência registrada.”