Edição 1984 de 14 a 20 de julho de 2013
Juraci Martins pode sair da política cassado e com bens indisponíveis

É consenso que o prefeito de Rio Verde, Juraci Martins (PSD), poderá ter um final político melancólico, possivelmente com direitos políticos cassados e bens indisponíveis. Não há nada que o desabone pessoalmente, mas seu secretariado está virando pó e já é conhecido como “todo dia sai um”. Motivo: escândalos.

Entorpecido pelo poder, Juraci não percebe que os tentáculos do Ministério Público e da Justiça breve vão enlaçá-lo fortemente.

Como conseguiu calar a imprensa de Rio Verde, que depende das verbas municipais, Juraci não consegue perceber direito o que está ocorrendo nas entranhas da prefeitura. A decadência de seu grupo está começando mais cedo do que se esperava.